ensino

O ÚLTIMO CONSELHO DE UM SÁBIO

lingua

“O discípulo de um filósofo foi procurar seu mestre que estava para morrer e perguntou-lhe:
– Não terias mais alguma coisa a dizer a teu discípulo?
O sábio, então, abriu a boca e ordenou ao jovem que olhasse lá dentro.
– Vês minha língua? – perguntou.
– Claro – respondeu o discípulo.
– E os meus dentes, ainda existem perfeitos?
O discípulo replicou:
– Não…
– E sabes por que a língua sobrevive aos dentes? … É porque é mole e flexível. Os dentes se acabam e caem primeiro porque são duros. Assim aprendeste tudo o que vale a pena aprender. Nada mais tenho a ensinar-te.”

Mateus 11.29

“Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim,
porque sou manso e humilde de coração;
e achareis descanso para a vossa alma.”