Ser mãe

Deitei ao lado da minha filhinha, nariz com nariz. Pra tentar ajudar ela a pegar no sono, eu fingi que tinha dormido. Ela, com aquela mini mão gordinha, começou a acariciar meu rosto bem devagar, deslizava pelas minhas bochechas, descia as mãos delicadamente até meus lábios e aí os desenhava com seus dedinhos gordos. Enrolava …

Continue lendo Ser mãe