O sábio samurai

Diz a lenda que perto de Tóquio, vivia um grande samurai, já idoso, que agora se dedicava a ensinar aos jovens. Apesar de sua idade, corria a lenda de que ainda era capaz de derrotar qualquer adversário. Certa tarde, um guerreiro, conhecido por sua total falta de escrúpulos, apareceu por ali. Era famoso por utilizar … Continue lendo O sábio samurai

Como começar um discurso com inteligência

  Um exemplo de oratória e habilidade política, ocorrido há algum tempo na ONU, fez sorrir toda a comunidade mundial ali presente. Falava o representante de Israel na ONU: - "Antes de começar o meu discurso, quero contar-lhes algo inédito sobre Moisés. ... (todos ficaram muito curiosos) ...Quando Moisés golpeou a rocha com seu cajado … Continue lendo Como começar um discurso com inteligência

A porta mais larga do mundo

Conta-se que um dia um homem parou na frente do pequeno bar, tirou do bolso um metro, mediu a porta e falou em voz alta: dois metros de altura por oitenta centímetros de largura. Admirado mediu-a de novo. Como se duvidasse das medidas que obteve, mediu-a pela  terceira vez. E assim tornou a medi-la várias … Continue lendo A porta mais larga do mundo

O sábio e o jogo de damas

Num vilarejo da Europa, um respeitado rabino entrou na casa de estudos, num momento em que não o esperavam, e encontrou seus discípulos jogando damas, quando deveriam estar estudando as leis sagradas, como era o costume naqueles tempos. Quando viram o mestre, ficaram confusos sem saber o que fazer. Pararam o jogo imediatamente. Um dos … Continue lendo O sábio e o jogo de damas

Fábula de um gerente

Esta é a fábula de um alto Gerente de um grande Empresa. Estressado com o desenvolvimento e excesso de trabalho, entrou em colapso nervoso e foi ao médico. Relatou ao psiquiatra o seu caso. O médico, experiente, logo diagnosticou ansiedade, tensão e insegurança. Disse ao paciente: "O Sr. precisa se afastar por duas semanas da … Continue lendo Fábula de um gerente

MORANGOS

Um sujeito estava caindo em um barranco e se agarrou às raízes de uma árvore. Em cima do barranco havia um urso imenso querendo devorá-lo. O urso rosnava, mostrava os dentes, babava de ansiedade pelo prato que tinha à sua frente. Embaixo, prontas para engoli-lo, quando caísse, estavam nada mais nada menos do que seis … Continue lendo MORANGOS

Ser mãe

Deitei ao lado da minha filhinha, nariz com nariz. Pra tentar ajudar ela a pegar no sono, eu fingi que tinha dormido. Ela, com aquela mini mão gordinha, começou a acariciar meu rosto bem devagar, deslizava pelas minhas bochechas, descia as mãos delicadamente até meus lábios e aí os desenhava com seus dedinhos gordos. Enrolava … Continue lendo Ser mãe